TCE aponta descontrole na entrega de materiais e falta de uniformes na rede pública de Ensino TCE aponta descontrole na entrega de materiais e falta de uniformes na rede pública de Ensino
  Materiais e uniformes escolares entregues após o início do ano letivo, livros guardados em lugares inapropriados, ausência de controle na distribuição de apostilas,... TCE aponta descontrole na entrega de materiais e falta de uniformes na rede pública de Ensino

 

Materiais e uniformes escolares entregues após o início do ano letivo, livros guardados em lugares inapropriados, ausência de controle na distribuição de apostilas, cadernos, lápis e canetas. Essas foram algumas das irregularidades encontradas pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) durante fiscalização realizada em 163 escolas de municípios do Estado de São Paulo.

A cidade de Franca não esta na lista dos municípios que foram fiscalizados, mas cidades da nossa região como Guará, Barretos, Ituverava, Jeriquara e Ribeirão Preto estão entre as cidades em que foram identificadas as irregularidades.

De acordo com o relatório divulgado pelo TCE 56% das escolas vistoriada pelas equipes de fiscalização ainda não entregaram ou distribuíram o material escolar, mesmo após o início das aulas. Os Agentes ainda constataram que em 19% das escolas, não houve controle na distribuição e que 24% dos materiais entregues não são suficientes para todo o ano letivo.

Em relação aos livros didáticos, do total de escolas municipais e estaduais vistoriadas, 17% não haviam feito a entrega ou a distribuição foi realizada após o começo das aulas. Foi verificado ainda que em 13% das unidades os livros estavam armazenados em lugares inadequados, como no chão e em estacionamento de veículos. Em 37% das unidades vistoriadas também não houve controle da distribuição dos livros.

No caso dos uniformes, a porcentagem das roupas ainda não entregues ou que foram distribuídas após o começo das aulas sobe para 95% dos casos. Nessa área, as fiscalizações apontaram que em apenas 21% das escolas os alunos estavam vestindo os uniformes e que em 21% delas o controle de entrega não foi realizado.

A fiscalização ordenada do TCE que verificou o fornecimento de materiais, livros e uniformes em escolas municipais e estaduais foi realizada em 26 de abril por um corpo técnico de 163 Agentes da Fiscalização do TCE no interior, no litoral e na região metropolitana de São Paulo.

 

Compartilhe nas redes sociais

hertz_user2016

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a deixar um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *