Taísa Ananda de Oliveira, de 24 anos, que foi baleada pelo ex-marido no dia 27 de novembro, em Cristais Paulista, recebeu alta médica da Santa Casa de Franca, nesta terça-feira, 4.

Ainda com muito medo, ela falou sobre os momentos de pânico durante a tentativa de homicídio. “Levantei de manhã para fazer café e senti uma coisa estranha. Ele já estava atrás da casa e disse se eu queria voltar com ele, eu falei que não. Eu e minha mãe levamos ele até o portão, e pedi para ele não ficar invadindo a minha casa. Quando ele colocou os pés na calçada, ele já virou e me deu um tiro no peito. Depois ele foi correr, mas voltou e deu o segundo tiro que pegou no meu ombro”, disse Taísa em entrevista à reportagem da Rádio Hertz.

                            Taísa mostra as marcas da violência/Foto: Cássio Freires

Taísa foi levada até a Santa Casa onde passou por cirurgia. “Os tiros atingiram meu pulmão, pâncreas, fígado e braço. O processo de recuperação está difícil, eu não consigo respirar direto. Eu, minha mãe e minhas filhas precisamos de tratamento psicológico.”, explicou Taísa.

Ainda segundo Taísa, ela já havia adquirido medida protetiva contra o ex-marido, mas ele não respeitou. A vítima foi agredida várias vezes. Em um dos casos, o agressor foi preso com base na Lei Maria da Penha, mas posteriormente conseguiu liberdade.

O autor do crime, Ronan Júnior de Souza Pinto, de 31 anos, continua foragido. Se alguém tiver informações sobre o homem pode comunicar a polícia pelo telefone 190.

                                                         Ronan Júnior e  Taísa Ananda/Fotos: divulgação

Taís resolveu deixar a cidade e vai morar em outra região do Estado de São Paulo. “Eu espero vida nova, estou traumatizada. A intenção dele ainda é me matar, pois ele está na rua. Espero que ele pague o que fez. Se ele tivesse pensado um pouco não teria feito isso, nós temos uma filha de 4 anos. Além disso ele fica me ligando de número privado e fazendo novas ameaçadas. Resumindo, eu nasci de novo”, afirmou a vítima.

Reportagem: Cássio Freires

Compartilhe nas redes sociais