Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

“Ainda tem muita gente que precisa do auxílio do Estado”; diz secretária do Desenvolvimento de SP

Compartilhar:

Em passagem por Franca, Marina Bragante, secretária executiva do Desenvolvimento do Governo de São Paulo, concedeu entrevista exclusiva ao apresentador Laerte Bazon, na Hertz Serviço e falou sobre importantes programas do governo paulista que beneficiam as populações de Franca e região. Bragante esteve nos estúdios da emissora e lembrou das ações Retoma São Paulo, Exporta São Paulo e da importância dos programas sociais no processo de inclusão das pessoas.

“A Secretaria tem a responsabilidade de trazer para o estado de São Paulo um desenvolvimento econômico que seja mais sustentável, mais diverso e inclusivo e é nessa ótica que estamos trabalhando. Isso significa trazer investimento e novas empresas para ampliar o número de vagas de oferta de trabalho, em especial neste momento pós pandemia, onde ainda estamos sofrendo impactos severos na nossa economia, apesar do Estado de São Paulo – diferente do nosso país -, ter crescido durante esse processo, a gente se descolou do país com relação ao investimento, ao nosso PIB (Produto Interno Bruto), mas a gente ainda tem muita gente que precisa do auxílio do estado e é para elas que a estamos trabalhado”, disse Bragante. 

A secretária executiva do Desenvolvimento, Marina Bragante ao lado do apresentador Laerte Bazon, no Sistema Hertz (Foto: João Ricardo)

Ela destacou ainda a destinação de recursos financeiros na ordem de aproximadamente R$ 10,3 milhões para a região administrativa de Franca, distribuídos especialmente para os programas Bolsa do Povo, Novotec, Bolsa do Povo Empreendedor. Além disso, a disponibilização de microcrédito do Banco do Povo.

“A ideia é que a gente possa auxiliar os empresários, os microempresários a se estruturarem. Então o Banco do Povo vem com uma oferta de recurso, do microcrédito com juros baixos, mas também com a oferta de qualificação, junto com um parceiro importante do Estado que é o Sebrae”, destacou a secretária.

Outro ponto abordado foi com relação a geração de oportunidades no mercado de trabalho. Nesse sentido, ela destacou as novas vagas de qualificação no programa Empreenda Rápido e dos investimentos de R$ 145 milhões em equipamentos de tecnologia e modernização da infraestrutura das ETECs (Escolas Técnicas) e FATECs (Faculdades de Tecnologia) na região

“Durante a pandemia, verificamos que muitas mulheres começaram a empreender por necessidade. As mulheres foram as primeiras a ficarem desempregadas e a gente normalmente não se enxerga como empreendedora e fica fazendo alguma coisa, um ‘bico’ para ajudar em casa, e isso já é um empreendimento… E o com o Empreenda Rápido Mulher queremos garantir que ela se veja como empreendedora, portanto, que se qualifiquem tanto para garantir que seu negócio tenha sucesso, cresça e empregue mais, mas que ela tenha acesso ao crédito necessário, principalmente no início”, explicou Bragante.

O Empreenda Rápido já teve mais de 12,3 mil matriculados em Franca, sendo do Empreenda Rápido Mulher, 1,3 mil matriculadas.

Compartilhar:

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.