Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

Alexandre segue as recomendações de Doria e coloca Franca na fase emergencial antecipadamente

Compartilhar:

Após ter o decreto derrubado na sexta-feira, 12, pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, que permitia o funcionamento do setor comercial com restrições, o prefeito Alexandre Ferreira (MDB) publicou um novo documento neste sábado, 13, seguindo as recomendações do governador João Doria (PSDB) e colocando Franca na fase emergencial do Plano São Paulo de forma antecipada.

VEJA O QUE MUDA COM O NOVO DECRETO EM FRANCA

Escritórios em geral e Atividades Administrativas

Obrigatoriedade de teletrabalho.

Repartições de Administração Pública Municipal (exceto essenciais)

Atendimento preferencialmente on-line, por telefone ou agendamentos individuais.

Estabelecimentos Comerciais (Comércio em geral)

Proibido atendimento presencial e retirada de produtos no local (take-away)

Permitida a comercialização através da janela do carro (drive-thru) de 5h às 20h e entrega na casa do comprador (delivery) por 24h.

Comércio varejista de mercadorias: lojas de conveniência

Venda de bebidas alcóolicas: após às 6h e até às 20h.

Comércio de Material de Construção

Proibido atendimento presencial.

Permitida a comercialização através da janela do carro (drive-thru) de 5h às 20h e entrega na casa do comprador (delivery) por 24h.

Supermercados

Recomendação de escalonamento de horário para os funcionários para evitar aglomeração no transporte público

Restaurantes, Bares e Padarias

Proibido atendimento presencial e retirada de produtos no local (take-away).

Permitida a comercialização através da janela do carro (drive-thru) de 5h às 20h e entrega na casa do comprador (delivery) por 24h.

Padarias podem funcionar seguindo as regras de supermercado, proibido o consumo no local.

Hotelaria

Proibição de funcionamento de restaurantes, bares e áreas comuns dos hotéis. Alimentação permitida somente nos quartos.

Escolas

Aulas na rede municipal de ensino em forma remota e demais atividades escolares serão disciplinadas pela Secretaria Municipal de Educação.

Recomendação para que a rede privada regular e cursos livres sigam o mesmo procedimento da rede municipal ou respeitem o limite de 35% de alunos matriculados nas atividades presenciais, ou sigam a recomendação de antecipação do recesso escolar.

Esportes

Eventos coletivos profissionais e amadoras suspensos.

Academias de esportes de todas as modalidades, atividade não permitida

Atividades Religiosas

Proibição de realização de atividades coletivas (como missas e cultos), mas permissão de abertura dos templos, igrejas e similares para manifestação de fé individual.

Eventos, convenções e atividades culturais

Atividade não permitida.

Salões de beleza e barbearias

Atividade não permitida

Todas as cidades do Estado de São Paulo vão ficar na fase emergencial até o dia 30 de março.

Reportagem: Cássio Freires 

Acompanhe mais informações durante a programação da Rádio Hertz 970 AM. 

Compartilhar:

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.