Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

Franca cai para 5º lugar no ranking das cidades com melhor saneamento básico

Compartilhar:

Estudo divulgado, nesta terça-feira (22) pelo Instituto Trata Brasil, mostrou o ranking das 20 cidades com melhor saneamento básico do Brasil. De acordo com o levantamento, Franca caiu uma posição e hoje ocupa a 5ª colocação, atrás apenas de Santos (1º), Uberlândia-MG (2º), São José dos Pinhais-PR (3º) e São Paulo-SP (4º).

Após liderar o ranking durante sete anos consecutivos, esse é o terceiro ano que Franca perde posições. Em 2020, foi ultrapassada por Santos, em 2021 caiu para o 4º lugar e neste ano, perdeu mais uma colocação.

Os melhores x os piores municípios dentre os 100 maiores do país

Ao analisar as 20 melhores cidades contra as 20 piores cidades, observamos que há diferenças nos indicadores de acesso: enquanto 99,07% da população das 20 melhores tem acesso à redes de água potável, 82,52% da população dos 20 piores municípios têm o serviço. A porcentagem da população com rede de coleta de esgoto é ainda mais discrepante: 95,52% da população nos 20 melhores municípios tem
os serviços; e somente 31,78% da população nos 20 piores municípios são abastecidos com a coleta do esgoto.

Panorama dos 20 Piores nos últimos oito anos (2015 – 2022)

Nos últimos oito anos do Ranking, 30 municípios distintos chegaram a ocupar as 20 piores posições . Desses, 16 estiveram nas últimas colocações em pelo menos sete edições.

Observou-se ainda que 13 municípios se mantiveram desde 2015 dentre os últimos colocados, sendo três localizados no Pará, e três
no estado do Rio de Janeiro. Além disso, Porto Velho (RO), Ananindeua (PA), Santarém (PA) e Macapá (AP) estiveram sempre nas 10 últimas colocações dentre as 100 maiores cidades do país.

Por outro lado, alguns municípios apresentaram relativos avanços ao longo dos anos e já não pertencem mais ao grupo dos 20 piores nas duas edições mais recentes do Ranking. Alguns exemplos são: Natal (RN) ocupando a 72ª posição de 2022, Olinda (PE) ocupando a 65ª posição de 2022, Paulista (PE) ocupando a 64ª posição de 2022, e Aparecida de Goiânia (GO), que vem apresentando uma sólida melhora de seus indicadores nos últimos dois anos, tendo saltado 36 posições nesse período e alcançado a 47ª posição de 2022, firmando seu lugar entre os 50 primeiros colocados do Ranking 2022.

Confira aqui o estudo completo do Instituto Trata Brasil

Compartilhar:

1 COMMENTS

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.