Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

Idoso, de 84 anos espera três dias por internação e vaga só é liberada após denúncia na Hertz

Compartilhar:

Continua a saga de pacientes que necessitam de uma vaga para a internação na Santa Casa ou Hospital do Coração, em Franca. Duas famílias entraram participaram dos programas Franca Hoje e Cidade no Ar, com o apresentador Laerte Bazon, na Hertz Serviço e pediram ajuda, antes que o pior pudesse acontecer.

O paciente Leandro Neves da Silva, de 33 anos e José Joaquim Rodrigues, de 84 anos estavam aguardando vaga para internação, desde a última segunda-feira (29). Eles estavam sendo atendidos no pronto-socorro “Doutor Álvaro Azzuz”, onde o repórter Leandro América esteve na manhã, desta quarta-feira (1) de dezembro e falou com a diretora do local para saber sobre a demora na liberação das vagas.

Com a chegada da reportagem, por volta das 7h, logo foi informado que a vaga para o paciente Leandro havia sido liberada para o Hospital do Coração. Ele que tem doença cardíaca e faz tratamento duas vezes ao mês, em Ribeirão Preto (SP), mas nos últimos dias se sentiu mal e foi levado ao pronto-socorro.

Enquanto isso, a vaga do idoso estava em processo de avaliação, feito pela CROSS (Central de Regulação de Ofertas e Serviços de Saúde) do Estado de São Paulo e que só foi liberada, por volta das 13h de hoje, após cobranças da reportagem, junto à Prefeitura de Franca, sendo o mesmo transferido para a Santa Casa.

Pronto-socorro “Doutor Álvaro Azzuz” registra movimento intenso nos últimos dias (Foto: Leandro América)

Outra reclamação feita pelos paciente foi sobre a alimentação para quem precisa enfrentar horas de espera pelo atendimento no PS Álvaro Azzuz. Questionada sobre a situação, a diretora que se identificou como Clara, disse que “são servidas marmitex para àqueles que não estão seguindo dietas médicas, é servido café da manhã e tarde, além de janta e caso a família queira levar os alimentos para os pacientes que estão no local, é passado para o médico responsável e se ele liberar, a alimentação entra, caso contrário a família é avisada”.

A reportagem também solicitou um posicionamento do secretário de Saúde, Lucas Souza, sobre os dois casos, mas até o momento não houve retorno. O jornalismo do Portal Hertz Notícias vai seguir acompanhando a situação e os problemas envolvendo os prontos-socorros “Doutor Álvaro Azzuz” e o infantil “Doutor Machid Bachur Filho”, aguardando por soluções.

Compartilhar:

1 COMMENTS

  1. Que vergonha pra Franca, nossa saúde está em coma , cadê os AVEREADORES que não tomam providência acordam gente, a Record já passou para o Brasil inteiro, e o prefeito gasta quase um milhão de reais pra acender luizinha de Natal e a SAÚDE no escuro que vergonha

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.