Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

Vigilância Epidemiologia descarta possibilidade de vacina ter provocado morte de idoso

Compartilhar:

Notícia atualizada às 19h30 25/03/20

Jair Francisco Meleti, de 62 anos, que morava no Jardim Brasilândia, morreu na terça-feira, 24, em Franca.

Segundo o boletim de ocorrência, Francisco tomou a vacina contra a gripe e quando chegou no local onde residia, na rua Juiz de Fora, passou mal, foi levado para o pronto-socorro “Álvaro Azzuz”, mas não resistiu e acabou falecendo. O irmão da vítima disse que Jair não possuía nenhum problema de saúde.

Por meio de nota, a Vigilância Epidemiológica esclareceu que a morte do idoso não será considerada caso suspeito de Coronavírus porque o paciente não apresentou nenhum sintoma da doença.

Também foi descartada a possibilidade da vacina ter desencadeado o óbito, foi uma coincidência temporal. O médico Homero Rosa Júnior esclareceu que o óbito relacionado a imunobiológicos (vacinas e outros) só ocorrem quando há grave reação anafilática, que em nenhum momento foi descrita.

Reportagem: Cássio Freires

Acompanhe mais informações durante a programação da Rádio Hertz 970 AM.

Compartilhar:

5 COMMENTS

  1. Desculpa mas essa reportagem é totalmente desnecessária!
    Especialmente pq não existe evidência de que foi a vacina, jornalismo sensacionalista nesse momento é um total DESSERVIÇO à comunidade!
    Após o laudo microscópio atestar que a causa da morte foi a vacina vcs devem noticiar antes não!!
    Falta de responsabilidade dos senhores jornalistas da Hertz, LAMENTÁVEL!!

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.