Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

Pedidos de Comissão Processante contra Prefeitura serão lidos na próxima Sessão Extraordinária

Compartilhar:

Os pedidos de abertura de Comissão Processante contra a Prefeitura serão lidos na próxima Sessão Extraordinária na próxima terça-feira, dia 14 de dezembro, de 2021 na Câmara Municipal de Franca.

Dois munícipes fizeram os pedidos à Casa de Leis, sendo que a nova representação foi protocolada no Legislativo na quarta-feira, dia 7 de dezembro, de 2021 conforme registro no Sistema de Gestão de Documentos (veja o documento clique aqui).

Ambos os pedidos têm como finalidade a apuração de denúncias sobre o repasse de verbas em parceria com Associação do Comércio Indústria de Franca (ACIF) através de Termo de Fomento para decoração de natal no município.

O presidente da Câmara, o vereador Claudinei da Rocha (MDB) após nova consulta ao Departamento Jurídico da Casa colocou o tema em debate ‘para designação em Sessão Extraordinária o Regimento exige que tenha urgência e extrema urgência na votação da matéria sob pena de prejuízo, assim consulto o Plenário, se há essa urgência na votação das referidas representações’

Com aprovação, os vereadores analisam o tema na próxima Sessão Extraordinária na terça-feira, dia 14 de dezembro, de 2021.

O vereador Gilson Pelizaro (PT) durante fala na Tribuna disse ‘eu acho que é urgente a gente ter que apreciar isso porque a Câmara é um órgão colegiado e que fiscaliza. Se a gente for analisar o que está acontecendo aí fora, vários grupos que também exercem papel de fiscalização, é muito ruim para um Poder constituído como o Legislativo não cumprir o seu papel’.

O vereador Zezinho Cabeleireiro (PP) enfatizou ‘há um clamor popular, a população quer ver a realidade do que aconteceu com o dinheiro público’.

O vereador Pastor Palamoni (PSD) disse ‘nós queremos as explicações, todos nós queremos, e quero lembrar uma coisa, o Termo de Fomento diz até valor X, eu entendo que a máquina pública, a transparência e tudo tem que ser apresentado. Eu vejo que está sendo feito uma pressão tão grande em cima dos vereadores que votaram a favor, como se mais uma vez nós fossemos criminosos dentro dessa Casa de Leis. Eu votei consciente, sou a favor da iluminação de Natal e acho que isso traz um benefício muito grande, é só conversar com os comerciantes. A questão do gasto, vai ser explicado’

O vereador Della Motta (PODE) pontuou ‘nós não podemos jamais fugir do rito, é um negócio muito sério e a Câmara Municipal de Franca não está se furtando em momento algum, em momento algum, de fazer essa investigação que é função nossa’.

Compartilhar:

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.