Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

Polícia Civil e o Ministerio Público RJ realizaram uma operação contra quadrilha de roubo de combustível que atuava no eixo RJ-SP

Compartilhar:

Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro, com apoio dos mesmos órgãos em São Paulo, realizam operação nesta quinta-feira (2) para cumprir cinco mandados de prisão e 21 de busca e apreensão. Os alvos da Operação Água Negra são suspeitos de integrar quadrilha responsável por furto de combustível na Região Metropolitana do Rio para revender o produto no interior de São Paulo.

Até as 6h45, haviam sido feitas uma prisão em São Paulo e duas no Rio de Janeiro. Em Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, foi preso Claudionor Inácio da Silva, considerado o líder do esquema criminoso.

De acordo com as investigações, o grupo retira combustível, petróleo e óleo diesel de dutos da Transpetro em municípios como Duque de Caxias, Nova Iguaçu e Magé, na Baixada Fluminense, assim como Silva Jardim e Pinheiral, no Sul Fluminense.

Os mandados de busca e apreensão são para endereços residenciais e de empresas tanto em Duque de Caxias e Magé, na Baixada Fluminense, quanto em Itaquaquecetuba.

No município paulista, segundo a Delegacia de Serviços Delegados (DDSD) da Polícia Civil do Rio, funciona o núcleo financeiro da quadrilha, além de local em que o combustível é revendido ou refinado (no caso do petróleo cru) para posterior revenda.

O grupo que atua em São Paulo, usa de notas fiscais frias e transporte clandestino para conseguir fazer o óleo diesel e o petróleo cru circularem entre os dois estados.

Compartilhar:

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.