Hertz Noticias

A notícia à Serviço de Franca/SP

Programa Dinheiro Direto na Escola apresenta primeiros resultados 

Compartilhar:

O Programa Municipal Dinheiro Direto na Escola (PMDDE), já tem apresentado resultados nas infraestruturas das escolas municipais de Franca. Na última sexta-feira (25), o prefeito Alexandre Ferreira teve a oportunidade de acompanhar, durante uma visita que fez a Escola Municipal ‘Profª Emília Tarantelli’, algumas das diversas melhorias feitas pela direção do estabelecimento, em conjunto com a Associação de Pais e Mestres (APM), em benefício da própria comunidade escolar.

Percorrendo as instalações ao lado da professora Camila Garcia Gonçalves, Alexandre pôde ver toda a parte interna com pintura nova e a quadra de esportes totalmente revitalizada. Além da pintura foram feitas benfeitorias gerais no piso que estava degradado, além da instalação de moderno sistema de monitoramento eletrônico.

Na unidade, estudam 300 crianças. Outras três unidades escolares, que compõem a sede da Escola Municipal “Profa. Emília Tarantelli” também foram contempladas com recursos e benfeitorias. São elas Escolas ‘Maria Pia’, no bairro Ponte Preta, perto do Lar de Ofélia;  ‘Izanild Paludeto’, no bairro Cubatão e na ‘Otávio Martins de Souza Jr.’, esta no bairro São José. Segundo Camila, todas elas receberam cuidados na parte de pintura, pequenos reparos nas instalações hidráulicas e elétricas, além do monitoramento eletrônico. Para a professora, esse mecanismo descentralizando os recursos, facilitou a manutenção e resolução de pequenos problemas que, às vezes, demoravam meses.

No Jardim Brasilândia, na Escola ‘Prof. César Augusto de Oliveira’, nesta sexta-feira, com parte dos recursos transferidos pelo PMDDE, a unidade recebeu nova pintura na fachada. Também foram substituídos os tanques nos refeitórios, com a colocação de material de alumínio, bebedouro na quadra que não existia e manutenções gerais internas e externas. O sistema de segurança também passou por uma revitalização, com substituição de câmeras e equipamentos já obsoletos e instalação de outros em pontos estratégicos, melhorando a proteção do patrimônio.

A professora, Juliana Cunha de Melo França, enalteceu essa alternativa da Prefeitura de repassar diretamente os recursos para as APMs, de acordo com os planos de trabalho. Isso está permitindo que as unidades possam se revitalizar e oferecer um ambiente mais acolhedor aos alunos e equipes de colaboradores. E o mais importante, em um trabalho integrado com as famílias dos estudantes, que têm participação no processo.

Compartilhar:

1 COMMENTS

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.